08-08-2017

Finalista da última edição do Prémio Nacional Indústrias Criativas, a Birdadvisor360° potencia a experiência na natureza, focada em lugares de observação de pássaros. A aplicação para dispositivos móveis está a ser desenvolvida no Algarve, chegando ao mercado no final deste ano. O que é e até onde pretende voar este projeto? Bárbara Pintar explica-nos.
 
Uma app feita com a natureza
“Respondendo ao turismo natural e à prática de observação de aves, Birdadvisor360° pretende ajudar, complementar e exponenciar a descoberta das melhores regiões de observação de aves. Aos observadores de pássaros, regulares ou ocasionais, dá-se um instrumento útil e acessível com outra qualidade visual e possibilidades inexistentes num guia em papel.
Ou seja, esta aplicação móvel tem como objetivo proporcionar uma melhor experiência de campo aos observadores de aves. Inclui informações de qualidade, fotos, sons, rotas e a visão 360 de áreas específicas sugeridas. Permite orientar os utilizadores através dos mais importantes observatórios, sendo que possibilita gravar rotas, criar lista de verificações das aves observadas. Deixa ainda compartilhar a experiência com outros utilizadores através da plataforma, fazendo crescer e enriquecer a comunidade Birdadvisor360°.”
 
Até onde leva uma paixão
“Desde criança que tenho paixão por pássaros... Quando vim morar para o Algarve tive a oportunidade de descobrir muitos lugares bonitos e parques naturais ricos em aves. Comecei a aprender sobre o turismo de observação de aves durante o mestrado em Design de Comunicação para Turismo e Cultura, na Universidade do Algarve.
Em trabalho de tese, associei o design de comunicação ao turismo de observação de aves, criando um produto. Juntamente com o meu parceiro Jordi Sabat, responsável pelo desenvolvimento do software da aplicação, estamos a criar a plataforma Birdadvisor360.”
 
Depois do Algarve, outros voos
“Nesta fase, o protótipo da app é desenvolvido para dispositivos Android, mas também consideramos fornecer a plataforma IOS. De momento, a aplicação está limitada à região do Algarve, mas esperamos incluir em breve outras regiões de Portugal e da Europa, nomeadamente Espanha e Reino Unido.”
 
O Prémio também dá asas
“O facto de termos ficado entre os 10 finalistas do Prémio Nacional Indústrias Criativas resultou numa experiência maravilhosa. Aprendemos muitas coisas novas e conhecemos projetos muito interessantes, pessoas motivadoras. Foi um processo de aprendizagem bastante importante.
Estamos agora a começar nesta nova estrada de startups… O nosso objetivo é lançar a primeira versão da aplicação até ao final do ano, adicionando ao projeto os novos recursos e aumentando a comunidade Birdadvisor.”
OUTRAS NOTÍCIAS
No terraço do hotel está cultivada a horta

No terraço do hotel

está cultivada a horta

Uma Caixa de Música Digital? Só Imaginando...

Uma Caixa de Música

Digital? Só Imaginando...

A "cultura líquida" está no Hub Criativo do Beato

A "cultura líquida"

está no Hub Criativo do B...

O Prémio vai a Copenhaga com os pés confortáveis

O Prémio vai a

Copenhaga com os pés confortáv...

CITY CHECK. Descobrir a cidade através de jogos

CITY CHECK. Descobrir

a cidade através de jog...

WONDER COVER. Joga com amigos à volta do tablet

WONDER COVER. Joga

com amigos à volta do tabl...

SOUND PARTICLES. De Leiria para Hollywood

SOUND PARTICLES. De

Leiria para Hollywood

IGUANEYE. Afinal (não) estamos descalços

IGUANEYE. Afinal

(não) estamos descalços

MAIS NOTÍCIAS  1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16   17   18